Uma terra sem amos

Bem unido façamos,
Nesta luta final,
Uma terra sem amos
A Internacional”
(estrofe d´A Internacional – Eugène Pottier/Pièrre Degeyter).

O Estadão de hoje publica interessante notícia de infedelidade partidária jurada para garantir a reeleição de Renan Calheiros à presidência do Senado.

Trata-se da adesão, ao PMDB, de Leomar Quintanilha, que deixa melancolicamente o Pecedobê por elevados motivos.

Neste caso, a infidelidade partidária de Quintanilha pode ser louvada como uma verdadeira fidelidade ideológica. É que o congressista é grande proprietário rural.

Proprietário rural? comunista? Isto é simplesmente hilário!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s